sexta-feira, 11 de julho de 2008

Deserto



Atravesso o deserto
na miragem de um oásis,
os teus braços,
do leve soprar do vento,
o teu sorriso,
do sabor doce das tâmaras,
a tua boca.


*

10 comentários:

Carla disse...

para quem adora o deserto, para quem sente o sabor das tâmaras este teu trabalho é lindo!
bom fim de semana
beijos

~pi disse...

atravesso o sol:

viva

mente








~

poetaeusou . . . disse...

*
nas asas do vento,
atravesso o teu sorriso,
,
conchinhas
,
*

Odilon disse...

Eta travessia gostosa! Quem dera todos os caminhos e desertos fossem assim. Beijos.

Otávio disse...

Belas palavras para um fim de semana. Acho que vou fazer no meu uma travessia desta.

Beijos.

mundo azul disse...

...há sempre uma chance das miragens, se tornarem verdadeiras!
Beijos de luz e um dia feliz...

Jacinta Dantas disse...

Olá,
Gostei desse lugar, especialmente da letra que trasncreve a ligação de um Ser para outro tão bem poetizado na sua "ponte". Gosto muito desse jeito claro e direto que encontro no seu escrever, capaz de transformar o deserto num doce e largo sorriso.
Voltarei mais vezes para saborear

Multiolhares disse...

A vida não passa de uma travessia no deserto
Com alguns Oásis
beijos

Adriana disse...

Travessia pode ser mais fácil se passamos por aqui.Boa semana!

Fernando Rozano disse...

o deserto e suas vidas, em poema de beleza infinita. meu abraço;